Google+
08.jpg

Convite lançamento_projeto san zeno2
Na sexta (24), a Casa Pequeno Davi, a Rede Margaridas Pró-Crianças e Adolescentes e Redes de Proteção à Criança e ao Adolescente: Crer Ser (Cristo/Rangel), Amiga da Ilha (Ilha do Bispo) e Varadouro/Roger realizam o lançamento do projeto “Tecendo uma Cultura de Paz na Escola” e da campanha “Pela Paz Somos Todos Iguais” uma das ações do projeto.

Segundo dados do Mapa da Violência 2014 a Paraíba continua figurando como o estado com um dos maiores índices de violência letal do país tendo adolescentes e jovens como alvos principais. Diante dessa realidade, o Projeto pretende contribuir para um ambiente educativo que propicie uma aprendizagem de paz e tolerância junto a crianças e adolescentes dos bairros supra citados, afastando-os do universo de ilicitudes e instrumentalizando-os para a construção de suas cidadanias, a partir da permanência na escola e do apoio efetivo de seus familiares e professores.

Para enfrentar essa realidade será realizada uma série de iniciativas interligadas, priorizando um processo formativo e de articulação, que facilite uma cultura de paz e não violência e de superação da intolerância nas escolas.

Público

O público nesse processo formativo será: alunos, professores, familiares e as redes de proteção integral à criança e ao adolescente. Serão contemplados com as ações:
– 360 crianças e adolescentes participantes de 6 escolas públicas com alto índice de violência nos três territórios (Varadouro/Roger, Crsito/Rangel e Ilha do Bispo;
– 120 familiares e/ou responsáveis, afrodescendentes, analfabetos ou com baixa escolaridade;
– 90 professores/as de 6 escolas públicas onde serão realizadas as atividades com adolescentes, público deste projeto;
– 50 representantes de organizações (escolas, unidade saúde da família, outras ongs e polícia) dos territórios ondes serão realizadas as atividades).

O lançamento vai contar com a participação das escolas, representantes das secretarias municipais de Educação e Desenvolvimento Social e instituições parceiras.

{ 0 comments }

WhatsApp Image 2017-03-03 at 12.36.44 Na manhã desta sexta (03), a Casa Pequeno Davi foi recebida pelo delegado adjunto da Receita Federal, Hamilton Sobral Guedes para uma reunião com o intuito de retomar parceria para doação de produtos. Na oportunidade o coordenador administrativo, Dimas Gomes, e o técnico de projetos, Mirley Jonnes, apresentaram a instituição e solicitaram o apoio do órgão no repasse desses produtos. “Foi uma visita importante com o objetivo de estreitar uma parceria com a Receita Federal. Saímos animados com a receptividade do delegado que demonstrou além de interesse, grande entusiamo com a organização da Casa”, avaliou Dimas Gomes.

A Casa Pequeno Davi já foi contemplada com doações de produtos anos anteriores o que ajudou bastante na captação de recursos para o desenvolvimento das atividades diretas com as crianças e adolescentes nas diversas oficinas ofertadas nos dois turnos. Para Mirley Jonnes, a visita foi um reforço para mostrar que a instituição presa pelas parcerias e quem sem estas, as ações ficam fragilizadas. “Esperamos cada dia mais qualificar nossas atividades e contar com parceiros como a Receita Federal”, completou.

{ 0 comments }

DSCN8869A Casa Pequeno Davi e a Rede Margarida Pró-Crianças e Adolescentes (Remar) estão responsáveis pela operacionalização do Projeto​ “Tecendo uma cultura de paz na escola”. O projeto tem o financiamento da Fundação San Zeno (Itália),em parceira com as redes de proteção dos bairros da capital paraibana, João Pessoa: Rede Crer Ser (Cristo e Rangel) e Rede Socioambiental Amiga Ilha do Bispo (Ilha do Bispo) e Rede de Proteção Integral à Criança e ao Adolescente (Roger e Varadouro).

Hoje (31), aconteceu a primeira reunião de trabalho com a equipe composta de três educadores, três articuladores políticos e a coordenação que será responsável pelo desenvolvimento as ações do projeto.

O Projeto tem por objetivo enfrentar uma realidade de violência na sociedade, mais especificamente nas escolas dos bairros citados. Para enfrentar essa realidade será realizada uma série de iniciativas interligadas, priorizando um processo formativo e de articulação, que facilite uma cultura de paz e não violência e de superação da intolerância nas escolas. O público nesse processo formativo será: alunos, professores, familiares e redes de proteção integral à criança e ao adolescente.

As ações do Projeto tem como públicos: 360 crianças e adolescentes participantes de 6 escolas publicas com alto incide de violência, afrodescendentes, com renda per capta familiar com uma média de 40,00 euros; 120 familiares e/ou responsáveis, afrodescendentes analfabetos ou com baixa escolaridades; 90 professores/as de 6 escolas públicas onde serão realizadas as atividades com adolescentes, público deste projeto; e 50 representantes de organizações (escolas, Unidade Saúde da Família, outras ong’s e polícia) dos territórios ondes serão realizadas as atividades do projeto.

{ 0 comments }

Violência sexual contra crianças e adolescentes será tema de semininário regional em Olinda

by @administracao 24.11.2016

O s dados nem sempre batem com a realidade por uma série de fatores. Mas o fato é que a problemática da violência sexual contra crianças e adolescentes tem sido […]

+

Casa Pequeno Davi é finalista no Prêmio Criança da Fundação Abrinq 2016

by @administracao 11.11.2016
Thumbnail image for Casa Pequeno Davi é finalista no Prêmio Criança da Fundação Abrinq 2016

A iniciativa “Um Toque pela Primeiríssima Infância”, do Projeto Ilha de Direitos está entre as dez finalistas no Prêmio Criança da Fundação Abrinq. O projeto realizado pelo Instituto InterCement e […]

+

Campanha ‘Grito de Alerta’ tem apoio do Criança Esperança

by @administracao 27.09.2016
Thumbnail image for Campanha ‘Grito de Alerta’  tem apoio do Criança Esperança

H oje (27), a Casa Pequeno Davi lança a campanha Grito de Alerta que é apoiada pelo Criança Esperança. A campanha faz parte do Projeto que tem o mesmo nome […]

+

Carta de intenções a partir do diagnóstico dos CT’s de João Pessoa

by @administracao 22.09.2016

Acesse o link e assine! A Casa Pequeno Davi, a Amazona e a Concern Universal Brasil, através do Projeto Cidadania, Comunicação e Cooperação para a Proteção de Crianças e Adolescentes da […]

+

Cursos profissionalizantes geram oportunidades

by @administracao 19.09.2016
Thumbnail image for Cursos profissionalizantes geram oportunidades

P or meio da articulação com as empresas locais, a Casa Pequeno Davi tem buscado vagas para inserir, no mercado de trabalho, os jovens que participaram dos cursos profissionalizantes, uma […]

+

Ação social no Roger

by @administracao 16.09.2016
Thumbnail image for Ação social no Roger

A  Casa Pequeno Davi recebe mais uma vez a Faculdade Internacional da Paraíba (FPB) para a V Campanha de Responsabilidade Social na comunidade. A ação será realizada no sábado (17) […]

+

Campanha ‘Torça Contra’ ganha visibilidade nacional

by @administracao 01.09.2016

N o período das Olimpíadas do Rio de Janeiro, a campanha permanente do Projeto “Exploração Sexual de Adolescentes e Jovens: Faça um Gol Contra”, patrocinado pela Petrobras ganhou visibilidade nacional. […]

+
Google+