Google+
13.jpg

DSCN0029

Sensibilização com trade turístico para divulgação da campanha

 

A campanha “Torça Contra” a exploração sexual de crianças, adolescentes e jovens foi lançada no dia 18 de junho, ação de um projeto que tem o patrocínio da Petrobras. O projeto que contempla a campanha e várias outras ações em 8 municípios da Região Metropolitana de João Pessoa é realizado pela Casa Pequeno Davi em parceria com o Centro da Mulher 8 de Março e a Concern Universal. E como apoio, o Ministério Público do Trabalho e a Rede de Proteção da Criança e do Adolescente.

 

IMG_1026-2

Procurador do Trabalho, Eduardo Varandas, fala da parceria e importância da campanha

 

O projeto tem como abrangência os municípios de João Pessoa, Cabedelo, Conde, Bayeux, Santa Rita, Lucena, Pitimbu e Alhandra com o objetivo de mobilizar a sociedade, gestores públicos, organizações sociais de defesa dos direitos de crianças, adolescentes e jovens, trade turístico, operadores do Sistema de Garantia de Direitos, lideranças juvenis e mídia para o combate a exploração sexual de adolescentes e jovens por ocasião de mega eventos esportivos, como a Copa do Mundo.

{ 0 comments }


A Casa Pequeno Davi, o Centro da Mulher 8 de Março, a Concern Universal com apoio do Ministério Publico do Trabalho lançam, no dia 18 de junho, às 8h, a campanha “Torça contra a exploração sexual de crianças, adolescentes e jovens”, com café da manhã no Restaurante Mangai, no bairro de Manaíra, em João Pessoa.

No contexto dos megaeventos esportivos e culturais, a campanha tem como objetivo mobilizar a sociedade no combate à exploração sexual de adolescentes e jovens na Região Metropolitana de João Pessoa, em especial o trade turístico.

A campanha faz parte das ações do Projeto “Exploração Sexual de Adolescentes e Jovens: Faça um Gol Contra” desenvolvido pelas organizações Casa Pequeno Davi, Centro da Mulher 8 de Março e Concern Universal com o patrocínio da Petrobras.

Dados

O número de casos de exploração sexual aumentou 232% na Paraíba, de acordo com dados do Centro de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). Em 2012, foram registrados 443 casos e em 2013, 675 registros de atendimentos. O Disque Denúncia 123, serviço do governo do Estado, registrou até maio deste ano, 32 casos de exploração sexual, dos 123 registros de violações de direitos contra idosos, deficientes e mulheres.

O Projeto

A abrangência do projeto compreende os municípios de João Pessoa, Cabedelo, Conde, Bayeux, Santa Rita, Lucena, Pitimbu e Alhandra com o objetivo de mobilizar a sociedade, gestores públicos, organizações sociais de defesa dos direitos de crianças, adolescentes e jovens, trade turístico, operadores do Sistema de Garantia de Direitos, lideranças juvenis e mídia para o combate a exploração sexual de adolescentes e jovens por ocasião de mega eventos esportivos, como a Copa do Mundo, com estratégias e ações integradas de proteção e garantia de direitos.

{ 0 comments }

IMG_0001 Representante da SEDH: fala sobre o fluxo de atendimentos

 

O seminário “Exploração Sexual de Crianças, Adolescentes e Jovens: Faça um Gol Contra” mobilizou mais de 280 participantes, reunindo os vários serviços e setores do Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente. A programação contemplou importantes debates em mesas temáticas. A primeira abordou o fenômeno da exploração sexual: panorama no Brasil e na Paraíba. A segunda trouxe a tipificação, causas e consequências. Outra mesa discutiu a temática do fluxo de atendimento e a importância do trabalho intersetorial e em rede no enfrentamento à exploração sexual de crianças, adolescentes e jovens. Todos os momentos com intervenções do público contribuindo para a qualidade e proposta do seminário. IMG_0037 (2) IMG_9945     Para o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Polícia Rodoviária Federal, Cledson Ferreira, eventos dessa natureza são importantes para fortalecer a rede de proteção à criança e ao adolescente. “Eventos como esses eu vejo como importante porque consegue reunir muitos atores que estão ligados ao combate do abuso e exploração de crianças e adolescentes, toda uma rede que está querendo tratar e buscar solução para essa exploração é importante que tenhamos espaço como esse para que haja uma reflexão para que todos possam trocar ideias e experiências e estar fortalecendo a rede de proteção à criança e ao adolescente”.

O evento foi realizado em parceria da Casa Pequeno Davi, do Centro da Mulher 8 de Março, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano e da Secretaria de Desenvolvimento Social. O seminário faz parte de um projeto da Casa Pequeno Davi em parceira com as organizações não governamentais Concern Universal e Centro da Mulher 8 de Março, com o patrocínio da Petrobras.

 

O Projeto O Projeto Exploração Sexual de Adolescentes e Jovens: Faça um Gol Contra tem como objetivo mobilizar a sociedade, gestores públicos, organizações sociais de defesa dos direitos de crianças, adolescentes e jovens, trade turístico, operadores do SGD, lideranças juvenis e mídia para o combate a exploração sexual de adolescentes e jovens por ocasião de mega eventos esportivos: Copa das Confederações e Copa do Mundo, com estratégias e ações integradas de proteção e garantia de direitos. As ações do Projeto contemplam 8 municípios da Região Metropolitana de João Pessoa, localizada na Zona da Mata da Paraíba – João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cabedelo, Alhandra, Lucena, Conde e Pitimbu.

 

IMG_0021 Jovem protagonista faz intervenção no momento dos debates

 

Outros objetivos – Capacitar adolescentes e jovens  nos Temas Transversais, em Cursos de qualificação Profissional e na Tecnologia Social do Ciclo de Advocacy – Capacitar  profissionais das equipes das escolas e da Rede Local do Baixo Roger para orientar a prática profissional no combate à exploração sexual, junto a adolescentes e jovens e à comunidade onde estão inseridos. – Realizar rodas de diálogo junto com  familiares das escolas sobre Formas de Prevenção e Combate à Exploração Sexual de Adolescentes e Jovens. – Incidir sobre as políticas públicas para criar estratégias para o combate à exploração sexual e fortalecer os atores e ações do SDG para o combate à exploração sexual, promovendo a participação de adolescentes e jovens neste processo. – Realizar campanha de comunicação e mobilização social de combate à exploração sexual de adolescentes e jovens na Região Metropolitana de João Pessoa.

 

Parcerias São parceiros nas ações do Projeto o Ministério Público do Trabalho, a REDEXI, o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA-JP), o Conselho Estadual da Criança e do Adolescente (EDCA, a REMAR, a Câmara Municipal, a TV Universitária, a Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente e a mídia local.

{ 0 comments }

Campanha Cartão Vermelho nas escolas

by @administracao 22.05.2014

Nesta segunda, 26 de maio, o Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Trabalhador Adolescente na Paraíba promove o lançamento da campanha Cartão Vermelho ao […]

+

Seminário discute a exploração sexual de crianças

by @administracao 12.05.2014

 A exploração sexual de infanto-juvenil será o tema do seminário “Exploração sexual de crianças, adolescentes e jovens: faça um gol contra” que acontece no dia 15 de maio para os […]

+

Campanha de sensibilização contra o bullying

by @administracao 14.04.2014

A Casa Pequeno Davi iniciou uma campanha interna com peças de comunicação artesanal, com a participação dos públicos da instituição (crianças, adolescentes e educadores) com o objetivo de contribuir para […]

+

Comunicado

by @administracao 28.03.2014

A Casa Pequeno Davi comunica, com muito pesar e tristeza, o falecimento prematuro do educador e motorista João Ladimir. Registramos aqui nossos sentimentos das crianças, adolescentes, familiares, educadores(as) e comunidade […]

+

IV Seminário Leitura na Rede

by @administracao 17.03.2014

Nos dias 20 e 21 de março de 2014 o Polo de Leitura na Rede (PB) realiza o IV Seminário Leitura na Rede com o tema “O papel da biblioteca […]

+

Articulações em prol do “S”

by @administracao 12.03.2014

A Casa Pequeno Davi continua no apoio à comunidade do “S” e vem contribuindo para  as articulações com o poder público, em especial para o avanço do projeto habitacional no […]

+

“Grito de Alerta”

by @administracao 24.02.2014

ACasa Pequeno Davi sai às ruas nesta segunda (24) com o maior bloco infantil do carnaval de João Pessoa, as Muriçoquinhas do Miramar. O objetivo é mais uma vez levar […]

+
Google+